50 viaturas para reforçar patrulhamento rural serão entregues em evento na FAEG

De acordo com o relatório de ocorrências da zona rural informado pela Secretaria de Segurança Pública, Rio Verde e Bela Vista de Goiás, são os municípios com mais registros de crimes no campo, nos últimos dois anos. Em todo estado o furto de bovinos aparece no topo da lista nesse período. Foram 1.280, em 2017 e 1.183 em 2018.

Desde 2015, o Sistema Faeg/ Senar é parceiro do Programa de Patrulhamento Rural da Segurança Pública de Goiás (SSP-GO), para ajudar a combater crimes praticados nas propriedades rurais, como furtos e roubos. Atualmente são utilizados GPS e até drone, proporcionando mais agilidade aos policiais no atendimento a ocorrências.

Para intensificar esse trabalho, nesta sexta-feira, serão entregues pelo governo do estado, na Federação da Agricultura e Pecuária de Goiás (Faeg), 50 caminhonetes. São veículos 4x4, a diesel e que vão renovar parte da frota da Patrulha Rural. “ Essas viaturas irão substituir parte das mais de 100 que atendem aproximadamente 200 municípios goianos e elas vão possibilitar um deslocamento mais rápido e chegar também em regiões de difícil acesso”, explica o assessor jurídico da Faeg, Augusto César de Andrade.

E para que o canal entre produtor rural e polícias civil e militar seja ampliado, os membros do Primeiro Conselho de Segurança Rural de Goiás (CONSEG-Rural), tomarão posse. “ É um canal de diálogo da sociedade com as forças de segurança, que vai proporcionar uma aproximação e facilitar apurações de crimes, investigações e prisões”, destaca Augusto.

A iniciativa para mais segurança no campo, também conta com o apoio do Fundo para o Desenvolvimento da Pecuária em Goiás (FUNDEPEC), que fará o repasse de 250 mil reais para a polícia militar, ajudando na conclusão da reforma e estruturação do batalhão e do Centro de Comando e Controle Rural da PM, localizado na região de campinas.  De lá serão coordenadas todas as ações do policiamento Rural de Goiás.

Saiba mais sobre a Patrulha Rural/ Georreferenciamento

Os policiais registram as coordenadas do local e, em seguida, cada propriedade recebe um número de identificação em placas e informa que aquela área é monitorada pela patrulha rural. Quando ocorre uma solicitação de emergência, o produtor rural liga para a viatura e informa o número do seu cadastro e a PM busca os dados, através do GPS e faz o deslocamento. Já são quase de 8 mil propriedades cadastradas. A patrulha atua junto a Delegacia de Crimes Rurais e de Divisas da Polícia Civil do estado

Serviço: Entrega de viaturas da Patrulha Rural e posse do Conselho de segurança Rural de Goiás

Data: 29 de março, sexta-feira,

Horário:  10h30,

Local: FAEG (Rua 87 n.708 Setor Sul), em Goiânia.

Comunicação Sistema Faeg/Senar.