Comunicação integrada para aproximar campo da cidade

A equipe de comunicação da Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil – CNA visitou o departamento de comunicação do Sistema Faeg/ Senar Goiás. Objetivo foi trocar experiências para o fortalecimento dos meios de informação usados na aproximação  o campo à cidade.  Vieram os responsáveis pela programação de rádio, TV, Mídias sociais, a coordenadora de publicidade e a gerente da equipe. A ideia das duas instituições é criar uma rede de comunicação integrada. A CNA por exemplo abriu espaço no novo portal para divulgação das reportagens produzidas pelas Federações da Agricultura de todo o País , já caminhando para essa unificação.


O departamento de comunicação do Sistema Faeg Senar apresentou os resultados positivos do trabalho. A geração de Mídia Espontânea por exemplo cresceu 50% se comparada a 2017. De junho a dezembro do ano passado a média foi de 1061 notícias no período. De janeiro a agosto de 2018, já são 1497 notícias publicadas, sendo uma média de 6 por dia.


O quadro Do Campo a Cidade, que mostra sempre um assunto de interesse público ligado ao campo também foi destaque. Semanalmente ele é exibido nas principais rádios do interior do estado e na Alpha FM em Goiânia.  Neste ano ganhou espaço na TV, aos domingos, no Programa Agro Record. Na comunicação integrada  Faeg e  Senar, tem o resumo em vídeo das principais ações da semana, publicado toda sexta-feira em grupos de WhatsApp e Redes Sociais.  A Agenda do Sistema Faeg ,Senar e IFAG para a próxima semana, também é divulgada aos domingos em Grupos de WhatsApp.

Para auxiliar quem trabalha com a mobilização no campo como os presidentes de sindicatos rurais, a comunicação do Sistema Faeg/Senar passou a investir em Media Training. Tem ainda revista mensal, Campo, com  novo apelo visual e capas mais atrativas. A tiragem é de cinco mil exemplares. Em média são oito matérias por edição. Elas também ficam disponíveis no site. Além disso o departamento desenvolve uma série de eventos e campanhas para levar conhecimento e despertar o interesse da sociedade pelo campo.