Produtores assistidos pelo Senar Goiás podem acessar crédito por intermédio de técnicos e supervisores de ATeG

Através de parceria entre Sistema CNA/Senar e Banco do Brasil os técnicos de Assistência Técnica e Gerencial (ATeG) do Senar, podem  ajudar os produtores assistidos na elaboração de projetos de custeio agropecuário e investimento, do Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar (Pronaf).

Essa iniciativa foi assinada em março pelo o presidente da Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA), João Martins, o diretor-geral do Senar, Daniel Carrara, o vice-presidente de Agronegócios e Governo do Banco do Brasil, João Rabelo, e a ministra da Agricultura, Tereza Cristina. Desde então é mais um meio deacesso dos produtores rurais a linhas de crédito para desenvolvimento da atividade no campo.

“O técnico já sabe a realidade do produtor e conseguirá elaborar melhores projetos pelo conhecimento da atividade que já assiste. No Brasil quase mil técnicos  e supervisores de ATeG, destes  mais de 70 em Goiás, foram treinados para elaborar os projetos de acesso ao crédito rural", explica Guilherme Bizinoto, Gerente de ATeG do Senar Goiás.

Na prática o produtor  reduz o tempo para conseguir o financiamento da sua atividade rural. A análise prévia da documentação necessária para a contratação do crédito pode ser feita pelos técnicos das Federações de Agricultura Estaduais e Sindicatos Rurais.

Imagem: Divulgação

Comunicação Sistema Faeg/Senar