Estudo aponta que dez municípios goianos estão entre os 100 mais ricos do Agro

No início do ano 2020 a Secretaria de Política Agrícola do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (SPA/MAPA) divulgou um estudo sobre os 100 municípios mais ricos do agronegócio brasileiro. Dentre eles, dez municípios estão em território goiano, são eles: Cristalina, Rio Verde, Jataí, Mineiros, Chapadão do Céu, Montividiu, Paraúna, Goiatuba, Catalão e Quirinópolis.  

Em quantidade de número de municípios entre os 100 mais ricos, Goiás só perde para Mato Grosso, com 35 cidades e Mato Grosso do Sul, com 13. Para realizar tal classificação a SPA/MAPA utilizou dois parâmetros: o valor da produção (VBP) das lavouras permanentes e temporárias e o Produto Interno Bruto dos Municípios. 

O estudo indica ainda que a riqueza do agronegócio destes municípios, contribuiu para taxas de crescimento do emprego acima da média do estado correspondente, e renda per capita superior à média, além de colaborar para que tais localidades registrem IDH elevados.

Segue abaixo a lista dos municípios goianos classificados no estudo:


Nos dados referentes ao (VBP), é possível observar o destaque dos três primeiros municípios (Cristalina, Rio Verde e Jataí), que possuem grande vantagem frente ao quarto colocado.  Tal fato, mostra como estes três municípios são destaques na produção agrícola não só do estado, como também do país. 

Praticamente em todos os municípios goianos o destaque fica por conta da soja e do milho. As exceções ficam por conta de Goiatuba e Quirinópolis, sendo que no primeiro à cana-de-açúcar tem uma representatividade maior que a milho, porém ainda perde para a soja, e no segundo, a cultura sucroenergética é o maior VBP agrícola do município. 

Cabe uma observação frente a diversificação do município de Cristalina, fator que o credencia ao top do ranking do estado, graças ao VPB de culturas como alho, cebola e tomate. Observa-se ainda, que neste município, o VBP do alho é maior que o VBP do milho. 


Elaboração do conteúdo: IFAG

Imagem: divulgação