Sistema Faeg lança nova campanha de comunicação ,“Sistema Faeg é de todos, mas feito para cada um”.

Com o tema “Sistema Faeg é de todos, mas feito para cada um”, a instituição vai integrar toda a comunicação e trabalhar em vertentes estratégicas que possam ampliar a divulgação das ações para a sociedade e valorizar ainda mais o trabalho do produtor rural  

O Sistema Faeg/Senar/Ifag/Sindicatos Rurais lança a nova campanha de comunicação da instituição. Com o tema “Sistema Faeg é de todos, mas feito para cada um”, o objetivo é desenvolver uma comunicação integrada e robusta, que possa ampliar as informações que chegam ao público sobre a atuação do Sistema e valorizar o trabalho do produtor rural. 

Para o presidente do Sistema Faeg/Senar, deputado federal Zé Mário, a Comunicação é fundamental para explicar como o setor produtivo rural tem contribuindo para o desenvolvimento do país. “Não conheço nenhum setor tão inovador no aspecto tecnológico como o agronegócio brasileiro. Temos muito a contribuir com o país e o mundo. O desafio está em mostrar para a sociedade a nossa atuação, que conserva, produz com qualidade e sustentabilidade. Setor que tem se colocado como forte pilar da economia, contribuindo na geração de empregos, renda, na melhoria da qualidade de vida da população e no protagonismo na segurança alimentar do mundo”, explica o presidente Zé Mário. 

“O Sistema Faeg passou a ser uma das principais fontes de informação, das mais variadas frentes, sustentando teses diversas que passam da economia às entregas de gestão. Diante de tanto conteúdo e tantas realizações, precisamos personalizar a comunicação. Aproximar da realidade de cada um. A estratégia é comunicar, coletivamente, da maneira mais pessoal possível”, enfatiza a diretora de Comunicação, Marketing e Eventos do Sistema Faeg/Senar/Ifag/Sindicatos Rurais, Michelly Mancinelli.

Para alcançar os resultados esperados, o trabalho de comunicação será voltado para os públicos interno e externo, em diferentes formatos. No caso específico do externo, estão previstas campanhas e peças de divulgação em mídias de massa, como emissoras de TV e rádio, redes sociais – Instagram, Facebook, YouTube, Linkedin -, grupos de transmissão no Whatsapp e outras ferramentas de comunicação.

De acordo com Michelly, o foco é mostrar que todos são beneficiados com as ações do Sistema, seja direta ou indiretamente. “Até porque a atuação da instituição, como um todo, abrange várias pautas. Nós abordamos política, infraestrutura, segurança alimentar e física, entre outros. Entramos em várias vertentes e temos condição de mudar cenários com nosso posicionamento e nossa atuação. Então, o objetivo dessa campanha é exatamente mostrar e dar valor ao nosso trabalho”, enfatiza.

Outro ponto importante, segundo ela, é municipalizar a campanha de comunicação, ou seja, mostrar que o desenvolvimento de cada cidade passa pela contribuição do Sistema Faeg. “Se cada goiano souber que na sua cidade tem atuação do Sistema, verá que o trabalho faz sentido e que cada um é diretamente beneficiado. Em cada município, vamos lembrar as pessoas que elas fazem parte de um todo, mas são beneficiadas individualmente”, complementa.

Entre as estratégias adotadas na nova campanha de comunicação está o desenvolvimento do trabalho em duas vertentes, chamado de ‘comunicação 2x2’. A primeira frente é voltada para apresentar o trabalho do Sistema Faeg/Senar/Ifag/Sindicatos Rurais. “Queremos mostrar os cases de sucesso, a atuação, a luta e as conquistas da instituição. É prestar contas do que a gente faz e como isso impacta positivamente a vida de toda população”, informa Michelly. 

A segunda é de valorização do produtor frente à sociedade. “Não tem fim de semana, feriado, dia, noite, sol e chuva que façam o produtor parar. Ele atua para fortalecer não somente o agro goiano, mas todos os setores econômicos e sociais no País. E precisamos valorizar sempre esse trabalho que é desenvolvido no campo e nas cidades também”, reforça. 

Comunicar é preciso.

A diretora de Comunicação, Marketing e Eventos do Sistema Faeg/Senar/Ifag/Sindicatos Rurais, Michelly Mancinelli, acrescenta que a comunicação sempre foi estratégia imprescindível para alcançar resultados positivos para a instituição. Segundo ela, isso está evidente em todas as ferramentas, os canais de comunicação, a forma de trabalhar a informação para os diferentes públicos e as campanhas já promovidas pelo Sistema. “Estamos sempre fortalecendo a nossa comunicação e criando oportunidades para levar informação a todos, porque entendemos que comunicar é de grande valia, seja para o público segmentado, como imprensa, que nós vemos como grandes parceiros, seja para o público de massa, que é a sociedade. A comunicação é a base do nosso trabalho. Sem a comunicação é impossível mostrar o que nós fazemos. Então, o que nós queremos é apresentar o nosso trabalho, negócio e público, sendo cada vez mais conhecidos e reconhecidos”, informa.

Ela acrescenta que o Sistema Faeg/Senar/Ifag/Sindicatos Rurais é referência em comunicação em todo o País e aprendeu a se comunicar com o campo e a cidade. “Nós aprendemos a fazer essa conexão que beneficia a sociedade, que recebe e participa das ações do Sistema Faeg, mas nem todos sabem disso. Por isso, vislumbramos a oportunidade e a importância de lançarmos essa nova campanha”.

Michelly reforça que a nova campanha ajudará a vencer um desafio, que tem sido integrar a comunicação de todo o Sistema. “Isso significa dizer que tudo o que for gerado de conteúdo é para o mesmo fim, mesmo que o emissário seja diferente. Faeg falará o mesmo que Ifag, que Senar e que os Sindicatos Rurais, por exemplo”. Ela destaca que não é estratégico para a instituição ter uma divulgação difusa, onde cada um se comunica de um lado. “Cada ação da Faeg, Senar, Ifag e Sindicatos Rurais fortalece o Sistema como um sistema. Já cada ação isolada diminui o impacto da informação e soa como uma tentativa de crescimento. Por isso, a campanha vem com o propósito de que todos possam falar a mesma linguagem. Agora, será tudo no mesmo guarda-chuva, que é o Sistema Faeg”, finaliza. 

Comunicação Sistema Faeg