Goiás se destaca como o quarto produtor de grãos do país mesmo com coronavíris

Goiás deve produzir 25,7 milhões de toneladas de grãos, mesmo com pandemia do novo coronavírus. Estimativa divulgada pela Conab mostra que o setor continua sua produção, agora realizada segundo orientações da OMS, Ministério da Saúde e Governo de Goiás.

A Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) divulgou na última quinta-feira, 9 de abril, o 7º Levantamento da Safra, que estima a produção de 25,7 milhões de toneladas de grãos em Goiás, na safra 2019/2020. O número representa aumento de 4,5% em relação à safra anterior, no Estado, colocando Goiás como o 4º maior produtor do País. O levantamento prevê, ainda, aumento da produtividade de 2,5%, com estimativa de produção de 4,456 kg/ha - 3ª maior produtividade do País. A área plantada no Estado também aumentou, passando para 5.777,8 mil hectares.

Destaques

Confira a estimativa de produção das principais culturas:

•    Sorgo: produção de 1,03 milhão de toneladas (aumento de 4%); 1º lugar em produção no ranking nacional e 2º em produtividade;

•    Soja: produção de 12,46 milhões de toneladas (aumento de 9%); 4º lugar em produção no ranking nacional;

•    Milho 1ª safra: produção de 2,21 milhões de toneladas (aumento de 10,7%); 

•    Caroço de algodão: produção de 113,4 mil toneladas (aumento de 7,7%); 3º lugar no ranking nacional;

•    Feijão 3ª safra: produção de 158,7 mil toneladas (aumento de 1,2%; 2º lugar em produção no ranking nacional e 2º em produtividade;

•    Trigo: produção de 111,7 mil toneladas; 2º lugar em produtividade no País;

•    Girassol: produção de 36,3 mil toneladas;.

Fonte:Comunicação Setorial da Seapa

Imagem: Divulgação

Comunicação Sistema Faeg/Senar