Rede Agroup debate ampliação e fortalecimento do uso de bioinsumos na agropecuária brasileira

A equipe técnica da Rede Nacional de Inovação para o Agronegócio (AgroUp) recebeu no  ultimo dia 30/10), o coordenador do Programa Nacional de Bioinsumos do Ministério da Agricultura, Alessandro Cruvinel para uma palestra sobre a iniciativa e as tendências do mercado de controle biológico.

Cruvinel falou sobre o programa que é direcionado à ampliação e ao fortalecimento do uso de bioinsumos na agropecuária brasileira, visando promover o desenvolvimento sustentável do setor. São produtos, processos ou tecnologias de origem vegetal, animal ou microbiana, destinados aos sistemas de produção agrícola, pecuário, aquícola e florestal.

“Em relação aos defensivos químicos, os biológicos têm menos barreiras para novos entrantes. É um mercado global que está crescendo anualmente, em torno de 15% ao ano e pelas projeções, atingirá nos próximos anos 10% do mercado de defensivos”, explicou.

Segundo o coordenador, o programa veio em um bom momento para que o Brasil se posicione nesse mercado, além de contribuir para a redução dos custos de produção no campo.

“É um momento importante para a conversão do Brasil e do mundo na utilização de bioinsumos. Os potenciais impactos do programa serão na sustentabilidade e agregação de valor dos produtos agropecuários brasileiros, na redução de custos e no impacto positivo para o meio ambiente. Ele é o ingrediente que irá contribuir com a nossa missão de produtores de alimentos para o planeta.”

Cruvinel ressaltou a necessidade de ampliar a iniciativa nos estados e pediu apoio Sistema CNA/Senar para isso.

“A ministra fez questão de trazer a CNA para o Conselho Estratégico do programa por sua representatividade e pela importância da Confederação em nos ajudar a colocar o programa à frente dos interesses dos nossos agricultores. Por isso, contamos com a parceria da CNA e das Federações para promover a construção de políticas, programas e planos voltados à promoção do uso de bioinsumos nos estados.”

Thaise Sarmento, assessora técnica da Coordenação de Inovação do Sistema CNA/Senar, destacou que a Rede AgroUp poderá contribuir com o mercado de bioinsumos divulgando as novas tecnologias para o produtor rural, cooperativas e sindicatos, capacitando os trabalhadores rurais e apoiando o desenvolvimento de soluções de startups que atuem neste setor. “Iniciativas como essa devem ser divulgadas, pois além de trazerem informações atualizadas, abrem oportunidades para parcerias.”

Assessoria de Comunicação CNA/Sistema Faeg/Senar