AJUDA
O seu próximo passo no campo goiano começa agora! Conheça todas as possibilidades que o Sistema FAEG oferece a você:

Diagnóstico da Saúde da População Rural também aconteceu durante Campo Saúde do Senar

Imagem

No último sábado (03), Aparecida dos Santos Pires, acordou cedinho e foi uma das primeiras a chegar na ação do Programa Campo Saúde, do Senar Goiás. “Vim buscar saúde. Tenho problema de pressão e visão. Essa ação é uma benção, uma graça na minha vida, ” contou encantada.

Já Adevair Antero levou o filho e aproveitou para realizar o exame de PSA. “Acho muito importante tudo isso. Participei o ano passado e fiz exame de vista e passei a usar óculos, ” explicou. O evento foi organizado pelo Sistema Faeg/Senar e o Sindicato Rural de Itauçu com colaboração de voluntários da FacMais, de Inhumas.

A gerente de promoção social do Senar Goiás, Claudimeire de Castro Oliveira informou que foram realizados 700 atendimentos voltados para clínico geral, ginecologia, oftalmologia, cardiologia. Na ocasião também teve teste de glicemia, aferição de pressão, exame preventivo para as mulheres e eletrocardiograma.

Na abertura do evento, o presidente do Sindicato Rural de Itauçu, Marcus Vinícius Rodrigues Souza Lino agradeceu a presença de todos os produtores e trabalhadores rurais. “Apresento aqui também as grandes referências que temos no estado vinculadas à zona rural que são o presidente do Sistema Faeg/ Senar e deputado federal, José Mário Schreiner e o superintendente do Senar Goiás, Dirceu Borges, na realização do programa Campo Saúde, ” disse.

José Mário destacou a importância da contribuição dos produtores rurais que possibilita o retorno em várias ações. “Temos aqui o Senar que realiza a profissionalização dos produtores, e está presente entre outros eventos.


Pesquisa Diagnóstico da Saúde da População Rural

Itauçu foi o segundo município visitado pela Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA) em Goiás para aplicação da pesquisa “Diagnóstico da Saúde da População Rural” realizada pelo Senar. O assessor técnico da CNA, Alan Cássio de Oliveira Santos Ribeiro conduziu seis aplicadoras da região, que gastavam de 15 a 20 minutos no preenchimento da consulta que é direta. “O objetivo principal da pesquisa é pautar políticas públicas. Realizada como um diagnóstico da situação da população para avaliar as ações do Senar e planejar as próximas, no monitoramento contínuo da evolução da saúde da população rural,” destacou Ribeiro.

A pesquisa foi iniciada em março e tem prazo de conclusão para o fim de setembro deste ano. “Estamos visitando todos os estados para ter dados a fim de planejar políticas públicas. O questionário é composto de 90 a 115 questões, variável dependendo dos entrevistados com a intenção de conhecer os hábitos laborais, alimentares, de higiene, saúde para conhecer as doenças presentes, ” explicou o assessor técnico.

Com a pesquisa se elenca um conjunto de doenças como tuberculose, asma, bronquite, câncer, hérnia, doença de chagas. “Verificando a ocorrência teremos em setembro a proporção e conhecimento de todas elas. Em janeiro de 2020, será apresentado um resultado em Brasília junto ao Ministério da Saúde que é um parceiro técnico, que contará com a presença das administrações regionais do Senar, e o que precisa ser feito em cada região,” disse Ribeiro. O primeiro município a ser pesquisado foi Portelândia (GO), em junho. A pesquisa está sendo aplicada nas ações do Campo Saúde e Saúde da mulher e do homem.

Demonstrações dos treinamentos do Senar Goiás

O município também apresentou aos participantes algumas das demonstrações dos treinamentos oferecidos pelo Senar Goiás como fabricação artesanal de cachaça, hidroponia, derivados da mandioca, defumação e drones. Além disso, alguns parceiros trouxeram para a praça a produção de doces e conservas e artesanato em geral. A ação também contou com a presença da patrulha rural.

Comunicação Sistema Faeg/Senar


Veja também

Condições

Notícia

Condições climáticas e menor demanda influenciam os preços Hortigranjeiros

Produtor

Caso de Sucesso

Produtor de hortaliças hidropônicas, que tinha desistido do cultivo, retoma a atividade produzindo cinco vezes mais com a ajuda da ATeG do Senar Goiás

Mercado

Notícia

Mercado de aluguel de máquinas agrícolas apresenta boas opções para pequenos e médios produtores

Imagem