AJUDA
O seu próximo passo no campo goiano começa agora! Conheça todas as possibilidades que o Sistema FAEG oferece a você:

Aliança Agroecônomica completa um ano e lança 3° relatório trimestral com dados do Centro-Oeste

Imagem

Por meio de um Termo de Cooperação Técnica, sob a tutela da Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA), quatro entidades do setor produtivo: Instituto Mato-grossense de Economia Agropecuária (Imea); Instituto CNA (ICNA); Federação da Agricultura e Pecuária de Mato Grosso do Sul (Famasul) e Instituto para o Fortalecimento da Agropecuária de Goiás (IFAG), formaram a Aliança Agroeconômica e vêm trabalhando dados e informações visando dar suporte ao desenvolvimento do setor agropecuário na região Centro-Oeste do Brasil.

Essa iniciativa completa um ano em outubro de 2019 com o lançamento do terceiro Relatório Agroeconômico do Centro-Oeste, uma publicação trimestral com a atualização dos dados e informações produtivas e de mercado dos principais produtos agropecuários da região para auxiliar o produtor rural e todas as organizações ligadas ao setor agropecuário na tomada de decisões.

Entre os destaques estão a influência do aumento da demanda externa e do menor volume de chuvas nas cotações da bovinocultura de corte, além das perspectivas para a safra 2019/20 de soja, milho, algodão e cana-de-açúcar.

Na terceira Reunião Ordinária Presencial de 2019, realizada na sede da Federação da Agricultura e Pecuária de Goiás (FAEG/IFAG), a Aliança Agroeconômica iniciou as tratativas para um novo projeto. Trata-se do relatório do Funding da Soja do Centro-Oeste, que trará informações das fontes de financiamento do custeio da safra 2019/20 da oleaginosa.

Para acessar o relatório completo clique aqui:

https://drive.google.com/file/d/1nS5YQ8L2WghYaxlkT4F9cL7S7tQes-1s/view?usp=sharing

Áreas de atuação

Veja também

Festa

Notícia

Festa de sabores que dura o ano todo

Soja

Notícia

Soja e milho sofreram pequenas variações na produção na Safra 23/24

Prazo

Notícia

Prazo de vacinação contra brucelose é ampliado até outubro

Imagem