AJUDA
O seu próximo passo no campo goiano começa agora! Conheça todas as possibilidades que o Sistema FAEG oferece a você:

Edital para derrocagem do Pedral do Lourenço será lançado até a segunda quinzena de novembro

Imagem

Brasília (17/10) – Reunidos nesta quinta-feira, a presidente da Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA), senadora Kátia Abreu, e o diretor-geral do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transporte (DNIT), general Jorge Ernesto Pinto Fraxe, definiram o prazo para lançamento do edital de obras de derrocagem do Pedral do Lourenço.

O Pedral do Lourenço é uma grande extensão de obstáculos naturais que inviabiliza a navegação do rio Tocantins durante os meses do verão amazônico. Sem a derrocagem, a navegação na hidrovia Tocantins continuará inviável, impedindo, assim, o escoamento da produção agropecuária de importantes regiões produtoras de grãos do país.

O edital será lançado até a segunda quinzena de novembro. A obra será licitada por meio do Regime Diferenciado de Contratações (RDC), por contratação integrada. Por ser menos burocrático, este modelo tem a vantagem de ser mais rápido em relação aos demais, lembrou o diretor-geral do DNIT.

Durante audiência na sede do DNIT, em Brasília, a senadora Kátia Abreu propôs que o edital da obra seja lançado em Palmas, no Tocantins, e em Marabá, no Pará. A sugestão foi aceita por Fraxe.

As etapas que antecedem o lançamento do edital foram concluídas. Depois de ter detectado alguns pontos críticos, a Marinha emitiu parecer conclusivo liberando a obra, com a importante participação de especialistas das Universidades Federal do Pará e do Paraná.

A presidente da CNA reafirmou a necessidade de garantir a navegabilidade na região, onde a produção agropecuária tem crescido de forma expressiva. A estrutura de logística para transporte é deficiente, o que encarece o escoamento.

O vice-presidente diretor da CNA, José Ramos Torres de Melo Filho, também participou da audiência. Presidente da Comissão Nacional de Infraestrutura da CNA e da Câmara Temática de Infraestrutura e Logística (CTLOG), do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA), Torres de Melo Filho também defendeu a realização da obra.

Áreas de atuação

Veja também

Produção

Notícia

Produção de soja e milho sofreram ajustes dos números para safra 23/24

Safra

Agricultura

Safra 23/24: Relatório do USDA apresenta leves oscilações

Senar

Notícia

Senar Goiás lança curso online: “Nutrição de bovinos de leite na era da pecuária 4.0”

Imagem