AJUDA
O seu próximo passo no campo goiano começa agora! Conheça todas as possibilidades que o Sistema FAEG oferece a você:

Boletim do Ifag aponta inicio de semana com soja em alta e milho com variações

Imagem

De acordo com o boletim divulgado pelo Instituto para o Fortalecimento da Agropecuária de Goiás ( Ifag) em 05/04, a Bolsa de Mercadorias e Futuros de Chicago (Cbot) iniciou a semana com saldos positivos para a soja.

Os preços internacionais da soja futura iniciaram a semana operando em alta, como na última quinta-feira, e finalizam por mais um dia com saldos positivos na Bolsa de Mercadorias e Futuros de Chicago (Cbot) em seus vencimentos. O relatório semanal de inspeções de exportação da USDA mostrou 298.252 toneladas de soja enviadas durante a semana encerrada em 01/04, sendo o México o principal destino, com 32% do total. Os embarques de soja acumulados foram relatados em 54,39 milhões de toneladas ou 1,998 bbu. A previsão do mês de março da USDA para as exportações de soja em 2020/21 era de 2,25 bbu.

Com os trabalhos praticamente concluídos no Mato Grosso, e na reta final nos demais principais estados produtores, a colheita da soja para a safra 2020/21, alcançou na última quinta-feira seu marco de 78% de área total cultivada no Brasil. Esse índice é comparado ao 83% colhido no mesmo período no ano passado e 78% na média dentro de 5 anos.

Milho

China continua sendo um dos maiores destinos do milho exportado

O mercado futuro internacional do milho inicia a semana, pós feriado, ainda sob campo misto na Bolsa de Mercadorias e Futuros de Chicago (Cbot), e registra saldos negativos nos meses de maio e julho. Para os demais vencimentos, a bolsa fechou a segunda-feira com saldos positivos. As exportações de milho na semana encerrada em 01/04 foram de 1.912 milhões de toneladas.

Esse volume foi acima de 1,72 milhões de toneladas que foram negociados na semana anterior, e excedeu a mesma semana do ano passado em 632.847 mil toneladas. O principal destino do embarque da semana foi a China, com 26% do total exportado. As exportações de milho acumuladas no ano de 2021 até 1º de abril foram de 35.676 milhões de toneladas (1.404 bbu), sendo 54% da previsão da USDA para o ano inteiro.

Na B3, os preços futuros do milho seguiram a tendência de alta da última quinta-feira, com cotações sendo registradas sob movimentos positivos. Para o mercado físico, produtores ainda se encontram estagnados, na esperança de que o mercado suba devido aos atrasos no plantio.

Imagem: Divulgação

Fonte: Ifag


Áreas de atuação

Veja também

Festa

Notícia

Festa de sabores que dura o ano todo

Soja

Notícia

Soja e milho sofreram pequenas variações na produção na Safra 23/24

Prazo

Notícia

Prazo de vacinação contra brucelose é ampliado até outubro

Imagem