AJUDA
O seu próximo passo no campo goiano começa agora! Conheça todas as possibilidades que o Sistema FAEG oferece a você:

Sistema Faeg/Senar acompanha assinatura de termo para ampliar fornecimento de energia

Imagem

O presidente do Sistema Faeg/Senar e deputado federal José Mário Schreiner acompanhou a reunião com o governador Ronaldo Caiado, o ministro de Minas e Energia, o presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia e com a Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel), na última segunda-feira, 26. No encontro a Enel Distribuição Goiás assinalou que vai antecipar os investimentos e a previsão é de ampliar em 26% a capacidade da rede de distribuição nos próximos três anos. Além disso, a empresa se comprometeu a melhorar as perdas na distribuição da rede atual e também a aumentar o número de conexões rurais.

As medidas, até o início de fevereiro do ano que vem, representarão aumento em 486 megawatts (MVA) na capacidade de distribuição de energia.

Uma das principais ações da Enel, de curto prazo, para possibilitar a liberação de carga de norte a sul do Estado, é a compensação de reativos na rede da distribuidora, o que possibilitará novas ligações de energia sem a troca de transformadores. Segundo a empresa, até 2022, serão acrescentados cerca de 1.500 MVA ao sistema elétrico, o suficiente, por exemplo, para abastecer as cidades de Goiânia, Anápolis, Rio Verde e todos os 28 municípios da Região Metropolitana.

O plano também prevê obras, dentre as elas a construção de 17 novas subestações, que irão atender 27 municípios, entre Goiânia, Aparecida de Goiânia, Anápolis, Mineiros, Rio Verde, Niquelândia, Luziânia, Senador Canedo e Iporá. Cerca de 835 mil clientes dessas regiões serão beneficiados com a maior confiabilidade do serviço de distribuição. Também estão previstas a ampliação e reforma de outras 130 subestações e a aceleração das conexões dos clientes rurais. Para os próximos anos, a empresa prevê um aumento expressivo. Atualmente, são 21.300 conexões pendentes, valor que deve ser reduzido para 15.600 em 2020 e para 6 mil em 2021.

A companhia também garante que esse plano possibilitará atender às indústrias já existentes e apoiar a instalação de novas empresas. “Nosso foco agora será intensificar as grandes obras de infraestrutura para garantir que todas as solicitações de aumento de carga acumuladas no período em que a companhia era estatal, além dos novos pedidos, sejam atendidos, contribuindo para o desenvolvimento do Estado”, disse Nicola Cotugno, Country Manager da Enel no Brasil.


Fonte: Portal Goiás com adaptações da Comunicação Sistema Faeg/Senar

Foto: Fredox Carvalho


Áreas de atuação

Veja também

Do

Desafio AgroStartup 2024

Do Campo ao Futuro: Soluções Inovadoras emergindo no AgroStartup 2024

Há

Notícia

Há 16 anos o Senar Goiás leva qualidade de vida para a família rural com o Campo Saúde

Condições

Notícia

Condições climáticas e menor demanda influenciam os preços Hortigranjeiros

Imagem